terça-feira, 12 de janeiro de 2016

O mar que existe em seus olhos

Teus olhos
Cada vez que olho nesses olhos me afogo mais
Me afogo no mar que existe em seus olhos
Águas escuras e turbulentas que eu vejo dentro deles
Água que limpa minha alma e também balança o meu coração
Água que me aquieta mas que também consegue me fazer estremecer 

Não existe mar melhor pra se perder (Pra mim) do que o mar que existe em seus olhos castanhos


Nenhum comentário:

Postar um comentário